22.5 C
Picos

Em reunião conjunta, comissões aprovam projeto de reajuste para professores na Assembleia

#

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) realizou nesta terça-feira (14) uma reunião conjunta entre as comissões de Constituição e Justiça, Finanças e Administração e aprovou o projeto de lei que reajusta em 14,9% o piso dos professores estaduais da classe auxiliar.

A matéria passou com dois votos contrários, dos os deputados da oposição Marden Menezes (Progressistas) e Aldo Gil (Progressistas).

Marden Menezes ainda apresentou uma emenda ao projeto,mas ela foi rejeitada pelos demais parlamentares. O dispositivo pedia para o Governo do Estado estender o reajuste para toda a categoria, ou seja, para aqueles professores com pós-graduação, mestrado e doutorado.

“É uma emenda que traduz o sentimento dos professores piauienses. A proposta que está tramitando tirar de qualquer expectativa de aumento os professores com um currículo mais extenso”, disse.

O líder do governo, o deputado Fábio Novo (PT), disse que a lei, como foi enviada pelo governador Rafael Fonteles (PT), beneficiará 23 mil professores, ativos e inativos, com retroativo a janeiro. O parlamentar pediu paciência ao sindicato e disse que em 60 dias será feito um estudo quanto a arrecadação do estado para conceder o aumento aos demais profissionais.

“Vamos daqui a 60 dias estudar o impacto das receitas, quando começar a nova arrecadação, e tendo acréscimo, vamos dar esse aumento para os professores,” destacou.

Fábio Novo também disse que Rafael Fonteles está estudando conceder uma gratificação a mais para aqueles professores com os melhores índices de desempenho na educação do estado.

Paula Sampaio
redacao@cidadeverde.com

Redação
Redaçãohttps://www.infonewss.com
Redação do Portal Info Newss. (89) 99463-3489
Veja também
Notícias relacionadas