segunda-feira, 20 setembro 2021
Últimas
Casa / Outros destaques / No Piauí, os 224 municípios terão compensação de vacinas contra covid, diz Sesapi

No Piauí, os 224 municípios terão compensação de vacinas contra covid, diz Sesapi

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi) confirmou que os 224 municípios do Piauí serão contemplados com a compensação de doses de vacinas contra a covid-19. Teresina recebeu 40 mil doses da Pfizer, ou seja, 25 mil a mais, devido as distorções na distribuição dos imunizantes.

Hoje, a Sesapi realizou uma reunião com os coordenadores das 15 regionais de saúde do estado para tratar da compensação do envio de vacinas Covid-19 por parte do Ministério da Saúde.

A diretora da Unidade de Vigilância e Atenção à Saúde, Cristiane Moura Fé informou que o Ministério da Saúde confirmou a compensação, mas o estado não foi informado de quantas doses a mais vai receber a partir de agora.

“Sabemos que vai aumentar o percentual, mas não sabemos quantas doses a mais vem ao Piauí. Todos os municípios do estado serão contemplados com a compensação da vacina”, disse Cristiane Moura Fé.

Para o Ministério da Saúde, o Piauí tem mais de 1 milhão e 600 mil habitantes adultos que precisam ser vacinados. Desse percentual, mais de 20% da população está com imunização completa, ou seja, já tomou a segunda dose.

De acordo com o coordenador geral das regionais de saúde da Sesapi, Gerardo Rebelo, desde a última remessa de vacinas, que chegaram ao estado na segunda-feira (16), o Ministério da Saúde fez um ajuste nas doses enviadas ao Piauí.

“O ministério reconheceu que o estado do Piauí estava recebendo doses em quantidades menores, e com essa nova distribuição houve esse incremento, que já foi encaminhado aos municípios”, disse.

Na reunião, a Coordenação da Vacinação Covid-19 e a Diretoria de Vigilância em Saúde também renovaram as instruções, aos coordenadores, sobre os procedimentos de entrega dos imunizantes e insumos aos municípios.

“A Sesapi continua trabalhando incansavelmente para que toda população piauienses possa ser imunizada o mais rápido possível. Por isso estamos sempre capacitando nossos polos regionais, encarregados de entregar os imunizantes aos municípios, que são responsáveis pela vacinação”, destaca o coordenador.

As novas orientações ocorreram, pois os critérios adotados pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI) para a distribuição de doses das vacinas contra a Covid-19 pelo país, criou uma distorção na proporção das doses enviadas para os estados das regiões Norte e Nordeste, que receberam menos imunizantes em relação ao tamanho das suas populações, que agora estão sendo compensadas. “A medida que o ministério for enviando as doses vamos repassando, em proporção, com que eles determinam para cada município”, disse Gerardo Rebelo.

Cidade Verde

Sobre Márcio Lopes

Colaborador do Portal Info Newss.

Verifique também

Dupla em moto mata jovem a tiros em via pública no Piauí

Um jovem ainda não identificado foi morto com pelo menos oito tiros na tarde deste …