20.1 C
Picos

Lula chega a hospital para fazer cirurgia no quadril

#

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, chegou, por volta das 8 horas desta sexta-feira, 29, ao hospital Sírio Libanês, em Brasília, para ser internado e realizar cirurgia no quadril. O procedimento é chamado de artroplastia total de quadril e será feito do lado direito. A previsão é de duração de 2 horas a 3 horas. Lula dará entrada no hospital para a realização de exames antes do procedimento.

A cirurgia é para eliminar dores que o presidente sente no quadril desde agosto do ano passado. Será instalada uma prótese no lugar das partes lesionadas do quadril.

Cerca de quatro pessoas vão operar o presidente, além de dois médicos que o acompanharão, que são o médico pessoal de Lula, Roberto Kalil Filho, e a médica da Presidência da República, Ana Helena Germóglio. Ele tem direito a um acompanhante na UTI. A primeira-dama, Janja da Silva, acompanha o presidente.

O petista deve ficar, no mínimo, um dia na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e a expectativa é de que ele deixe o hospital na terça-feira, dia 3 de outubro. A ideia do presidente é não deixar de trabalhar durante a recuperação e despachar com ministros no Palácio da Alvorada, residência oficial, por cerca de três semanas. Não haverá passagem de cargo para o vice-presidente Geraldo Alckmin enquanto o petista se recupera.

Por volta das 17 horas, Kalil Filho e Germóglio, além do ortopedista responsável pela operação – que ainda não teve o nome divulgado – darão entrevista a jornalistas sobre o procedimento.

Lula deve ser submetido à anestesia geral e o procedimento cirúrgico deve durar cerca de duas horas. Em entrevista ao Broadcast Político (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), o ortopedista Leandro Ejnisman, especialista em quadril do hospital Albert Einstein em São Paulo disse que pode ser retirado um pedaço com cerca de 5 cm a 6 cm de diâmetro do fêmur para colocar uma prótese no lugar.

Ejnisman disse que se trata de um procedimento “complexo, mas seguro”. Segundo o médico, a operação deverá deixar o quadril do petista 100% curado. “Mais de 98% dos pacientes têm bom resultado e ficam felizes com a operação”, disse o médico.

A expectativa do governo é que o chefe do Executivo retome as viagens internacionais no final de novembro, quando deve embarcar a Dubai, nos Emirados Árabes, para participar da COP-28 Até lá, deve permanecer em Brasília.

Estadão Conteúdo

Redação
Redaçãohttps://www.infonewss.com
Redação do Portal Info Newss. (89) 99463-3489
Veja também
Notícias relacionadas