sexta-feira, 30 julho 2021
Casa / Municípios / Em Picos, 3.450 pessoas precisam realizar recadastramento na Tarifa Social de Energia Elétrica

Em Picos, 3.450 pessoas precisam realizar recadastramento na Tarifa Social de Energia Elétrica

Em 2020, o Estado do Piauí conquistou o 1º lugar no Ranking Nacional de Cadastros na Tarifa Social de Energia Elétrica, programa do Governo Federal que permite o desconto de até 65% na conta de energia de clientes das distribuidoras pelo Brasil, contando hoje com mais de 482 mil clientes cadastrados nos mais de 224 municípios. Esse resultado foi alcançado graças a uma força tarefa envolvendo Equatorial Piauí, Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Assistência Social (Sasc) e prefeituras municipais.

Agora em Julho, a Equatorial Piauí destaca dados relevantes sobre atualização necessária de cadastros destes beneficiados pelo programa da Tarifa Social, onde 147 mil clientes encontram-se com cadastros já desatualizados (a Aneel suspendeu temporariamente a repercussão de cadastros por NIS cadastrado e vencido) e há aproximadamente 80 mil clientes com cadastros de dados a desatualizar nos próximos meses, caso não atualizem o seu NIS (Número de Identificação Social). A Aneel suspendeu o prazo de repercussão (exclusão por desatualização) até o final de setembro-21, conforme Portaria nº 624 onde “suspensos por mais 180 dias os processos de averiguação e revisão cadastral e, consequentemente, as repercussões previstas no Bolsa Família, na Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE) e no Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC).”

Todos os 224 municípios apresentam clientes com cadastros desatualizados, onde os maiores em número de cadastros vencidos e a vencer inscritos na tarifa social de energia elétrica, são:

  • Vencidos :Teresina: 29.202  clientes / Parnaíba: 4. 797 clientes /Picos: 3450 clientes / Piripiri: 3353 clientes / Floriano: 2211 clientes
  • A vencer em 2021: Teresina – 1419 clientes / Parnaíba 2952 clientes / Picos – 1851 clientes  / Piripiri: 1662 clientes e Barras- 1564.

A lista completa do número de clientes com cadastro vencido  e a vencer, pode ser conferida nos links abaixo:

Número de clientes por município – cadastro vencido
Número de clientes por município – cadastro a vencer

Como atualizar o cadastro

Essa atualização cadastral a cada 2 anos pelos beneficiados é obrigatória e faz parte do conjunto de regras do programa implementado pelo Governo Federal. O responsável pelo NIS deve procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de sua residência/município para efetuar a regularização do cadastro. Caso o cliente não consiga o deslocamento até o CRAS, o cliente consegue se recadastrar também no site da SASC, no link: https://www.tsee.com.br/pi

Para evitar que os piauienses continuem com seu benefício, a Equatorial Piauí também pede aos clientes ficarem atento ao alerta enviado na fatura de energia, comunicando previamente que os clientes precisam fazer a atualização do NIS nos CRAS.  A comunicação é feita no campo “Notificação de Reaviso de Vencimento / Mensagem” e por meio de um “carimbo/selo” na fatura de energia, com o objetivo de chamar atenção do cliente sobre a necessidade de realizar o recadastro, como os selos identificado abaixo: ‘’Seu NIS vai vencer, procure o CRAS do seu município’’ e aos clientes já desatualizados, aparecerá o selo “Benefício da Tarifa Social Cancelado ‘’

De acordo com a consultora de relacionamento Patrícia Araújo, ter o NIS válido é fundamental para garantir o recebimento do desconto da Tarifa Social, referente ao consumo de energia elétrica. “Estamos fazendo esse alerta a população, pois sabemos a diferença que o benefício da baixa renda faz no orçamento das famílias piauienses. Importante que os clientes fiquem atentos ao prazo, à sua fatura com o selo identificado e procurem o CRAS mais próximo para atualizarem suas informações para manter o desconto na fatura de energia”.

Desconto na fatura

Criado pelo Governo Federal para beneficiar famílias com baixa renda, o Programa Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE), consiste na redução da tarifa de consumo de energia elétrica em até 65%. O percentual é gradativo e a apresentação na fatura do cliente é detalhada por faixa de consumo. Quanto menor o consumo, maior o desconto na fatura. Para famílias indígenas e quilombolas que consomem até 50kWh/mês, a redução é de 100%. O desconto vai até os 220kWh consumidos.

Como se cadastrar / Quem tem direitoPara identificar quais os critérios necessários para participar e como se cadastrar: clique no link https://pi.equatorialenergia.com.br/informacoes-gerais/tarifa-social-de-baixa-renda/ 

Assessoria de Comunicação da Equatorial Piauí

Sobre Márcio Lopes

Colaborador do Portal Info Newss.

Verifique também

DNIT retira trailers instalados às margens da BR 316 em Picos

Após decisão judicial DNIT retirou cerca de seis estruturas localizadas no bairro Bomba, no município de Picos - PI.