domingo, 5 dezembro 2021
Últimas
Casa / Geral / Bombeiros civis pedem a regulamentação da profissão no Piauí

Bombeiros civis pedem a regulamentação da profissão no Piauí

Em reunião com bombeiros civis na Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (18), a deputada Teresa Britto (PV) se comprometeu a elaborar indicativo de projeto de lei visando regulamentar a atuação desses profissionais no estado. A parlamentar adiantou que a matéria será apresentada em conjunto com o deputado Evaldo Gomes (SDD) até o final deste mês de outubro.

De acordo com o representante dos bombeiros civis, Marcos Rolf, o exercício da profissão foi regulamentado em âmbito nacional pela Lei nº 11.901/2009, mas ainda depende de regulamentação estadual. “O Piauí é o único estado que ainda não regulamentou a atuação dos bombeiros civis. As condições são péssimas. É uma profissão ainda desconhecida pela maioria da população. Hoje, nós somos quase 900 bombeiros civis e bombeiros militares são apenas 340, daí a importância de uma parceria, já que não existe efetivo suficiente”, afirmou Rolf.

Bombeiros civis pedem a regulamentação da profissão no Piauí – Imagem 1O presidente da Associação dos Bombeiros Civis e Voluntários do Estado do Piauí (ABVEP), Tancredo Nunes, frisou que a categoria pede a aprovação de um projeto que torne obrigatória a presença de bombeiros civis em todas as instituições onde há reunião de público, como escolas, casas de show e de eventos, além de determinar a criação de brigadas de incêndio em todos os municípios piauienses.

“Em muitos ambientes, você não vê um extintor de incêndio, não vê nenhum profissional habilitado em caso de emergência. O bombeiro é quem vai orientar uma rota de fuga, caso seja necessário. A gente passa um ano em formação, inclusive por bombeiros militares, que treinam a gente”, relatou o brigadista Sérgio Henrique.

Os profissionais convidaram a deputada para ser “madrinha dos bombeiros civis”, por abrir as portas da Assembleia e apoiar a causa. A parlamentar destacou a importância desses profissionais no combate às queimadas. “Existe a necessidade da categoria ser reconhecida e valorizada”, disse Teresa Britto.

PROFISSÃO – A carreira de bombeiro civil exige treinamento específico e o profissional atua nos limites do local para onde foi contratado. Geralmente, o bombeiro civil é responsável por prestar os primeiros socorros e/ou controlar a situação até a chegada dos bombeiros militares ou da polícia.

Meio Norte

Sobre Márcio Lopes

Colaborador do Portal Info Newss.

Verifique também

Comando da PMPI solicita ao Nucepe novo cronograma de concurso após suspensão de prova para soldado

O ofício enviado ao Núcleo foi divulgado à imprensa e destacou que os candidatos estão …